julia sarmento 755

 

Nota de Pesar Morte de Julião Sarmento 

 

Julião Sarmento, artista multidisciplinar de carreira internacional, morreu no dia 4 de maio. Senhor de uma obra multifacetada, que se desdobrava pela pintura, o desenho, a gravura, a fotografia, o vídeo e a performance, procurou sempre a consonância do seu trabalho com a arte internacional. Representou Portugal na Bienal de Veneza de 1997, e participou na Bienal de São Paulo de 2002. Realizou importantes retrospetivas não apenas em Portugal, mas no Witte de Witte (Roterdão) em 91 e no Reina Sofia (Madrid) em 92, figurando as suas obras em diversas e importantes colecções públicas e privadas portuguesas e esrangeiras.


A Fundação D. Luís I, a que se junta a Câmara Municipal de Cascais, por manifestação expressa do seu Presidente, Carlos Carreiras, apresenta á família enlutada as suas condolências pelo desaparecimento do artista e munícipe cascalense.

 

O Conselho Directivo
Ana Padrão
Fernando Garcia
Salvato Teles de Menezes