Frontpage Slideshow (version 2.0.0) - Copyright © 2006-2008 by JoomlaWorks
Início Outros Percursos CCI Cátedra Cascais Interartes
CCI 185
RScci 750

 

 

N A T U R E Z A   E   M I S S Ã O

 

A Cátedra Cascais interartes – Cascais, crossroad of the arts surge por iniciativa da Fundação D. Luís I, tendo como objecto de intervenção o Município de Cascais, entendido este como espaço de glocalização cultural e artística, do qual é incontornável a concepção de Bairro dos Museus, e do qual participaram figuras de renome da Literatura portuguesa como Branquinho da Fonseca, David Mourão Ferreira, Herberto Helder e Ruben A..


Numa perspectiva inovadora e relevante no quadro dos estudos literários e artísticos contemporâneos, a Cátedra entende como sua natureza e missão o aprofundamento de investigação sobre estes autores numa dimensão comparatista, de diálogo interartes, e de encontro com obras de outros criadores igualmente ligados a Cascais, como Ana Hatherly, João Gaspar Simões, Maria Archer e Mário Henrique de Leiria.


A Cátedra assume, deste modo, como missão promover e apoiar iniciativas que visem contribuir para a divulgação destes escritores, cujas obras se caracterizam por um cosmopolitismo e por uma urbanidade indissociáveis da forma como nelas são convocadas outras expressões artísticas.

 

 

A C T I V I D A D E S

 

No âmbito da Natureza e da Missão acima consignados, no sentido de privilegiar as acções de promoção e apoio às iniciativas tendo como enfoque as obras de Branquinho da Fonseca, David Mourão Ferreira, Herberto Helder, Ruben A., Ana Hatherly, João Gaspar Simões, Maria Archer e Mário Henrique de Leiria, nomeadamente as que atribuam destaque às vertentes do diálogo interartes, a Cátedra compromete-se a suscitar a organização de iniciativas diversificadas tendo como destinatários diferentes públicos-alvo.


Nesse sentido, a Cátedra elege como interlocutores privilegiados os centros de investigação ou entidades afins de reconhecido mérito que se identifiquem com a sua missão e que, com ela, pretendam colaborar a nível de acções concretas.

 

Entendem-se como acções a desenvolver que serão objecto de promoção e apoio:

a) a cursos livres e/ou ciclos de conferências, tendo como destinatários os munícipes que se pretendam familiarizar com as obras dos autores em causa, nomeadamente na sua vertente de diálogo interartes;
b) a iniciativas de divulgação junto dos estudantes de vários níveis de ensino, privilegiando escolas sediadas no município;
c) a acções de formação, neste âmbito, junto dos corpos docentes dessas escolas;
d) à concepção de roteiros e/ou percursos literário-culturais que ajudem a revelar as diferentes ancoragens no espaço dos autores em causa, junto daqueles que visitam o município;
e) a elaboração de registos em vídeo que permitam cumprir e difundir a Natureza e Missão da Cátedra;
f) a concepção de um Website, sediado no espaço Web da Fundação Dom Luís, com informação relevante e cientificamente fundamentada, sobre o objecto de investigação em causa e sobre as iniciativas da Cátedra;
g) a criação de um banco de dados sobre estes autores, privilegiando os diálogos em causa;
h) a concepção de Moocs – Massive Open Online Courses..., com o objectivo de apoiar a divulgação destes autores junto de públicos mais alargados, nomeadamente além-fronteiras;
i) a atribuição de bolsas de estudo, destinadas à investigação destes autores, tendo como enfoque a dimensão comparatista e de diálogo interartes;
j) a atribuição de um prémio, a ser atribuído anual e sequenciadamente, a ensaios que contribuam para a relevação da dimensão cosmopolita e interartes dos autores em causa;
k) a colaboração com a Comissão temática de Educação, Ensino Superior, Ciência e Tecnologia, dos Observadores Consultivos, da CPLP, com o objectivo de divulgar os autores em causa no espaço lusófono;
l) a colaboração com a UCCLA, com o objectivo de divulgar os autores em causa no âmbito da actividade municipal no espaço lusófono.

 

 

B O L S A   D E   I N V E S T I G A Ç Ã O

 

No âmbito da Natureza e Missão da Cátedra Cascais e Interartes, encontra-se a atribuição de bolsas de investigação a projectos que, para além da sua relevância científica, participem do espírito desta Cátedra.
Nesse sentido, o conselho científico decidiu atribuir uma bolsa à Dra. Raquel Morais que nos apresentou um projecto designado O escritor na sala de cinema.


O projecto irá abordar as relações entre poetas e escritores de ficção e o Cinema – em particular a experiência da sala de cinema, de ver cinema em sala –, partindo de textos de autores para quem esse momento serve como motivo particularmente produtivo ou até fundador de uma estética, de um estilo, de um modo de trabalho – autores para quem o cinema e a imagem em movimento inspiraram, iluminaram ou ajudaram a questionar a sua produção literária. Valorizando o lugar da literatura portuguesa no mapeamento desta questão, o projecto pretende estabelecer pontos de contacto entre diferentes autores e literaturas do século XX. A rede de autores, que será progressivamente alargada, inclui nomes como os de Julio Cortázar, Manuel Puig, John Ashbery, Pier Paolo Pasolini, Herberto Helder, Ana Hatherly, Ruy Belo, Almada Negreiros, Alexandre O' Neill.


A pesquisa a desenvolver, bem como o programa de âmbito cultural e público em que esta irá culminar, surgem em estreita relação com a frequência do programa de Mestrado em Film Programming and Curating, no Birkbeck College, University of London, durante o ano lectivo 2017/2018

 

 


 

CCI conselho diretivo 750

 


 

CCI consultores internacionais 750

 

 

 

 

Agenda

<<  Dezembro 2019  >>
 Se  Te  Qu  Qu  Se  Sá  Do 
        1
  2  3  4  5  6  7  8
  9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031