Exposição Madonas

 

Inaugura a 13 de Novembro de 2015, às 21h30
Até 17 de Janeiro de 2016

 

750x250 beatriz

 

O estudo do corpo e a sua representação, as suas formas e cores sempre atraíram o particular interesse da pintora. Mais do que um objeto a representar, o corpo, nas suas várias formas, foi desde a Antiguidade o mais representado dos temas apelando para a exaltação da experiência aliada à observação cuidada. O corpo, que encerra a alma, os pensamentos, alegrias, medos e ansiedades é também essa forma invisível, por vezes mais presente do que a própria forma do corpo. Influenciada por autores como Gauguin, Freud e Paula Rego, a pintora mostra aqui a sua própria visão deste mundo natural que em alguns casos se aproxima do abstrato, do inacabado e do errado.

 

0A0A1495 358x500     0A0A1459 356x500

 

MADONAS

 

Beatriz Manteigas representa a figura feminina num momento que testemunha o mais belo tempo da vida. Das mãos, dos braços, da cabeça e dos pés brota o esperado e o recebido. Ao peito escondido regressam prontos os apertados abraços prometidos. Sentadas esperam resignadas e em serenidade como madonas não pelo filho mas pelo futuro.


É com um desejo ardente de construção que os traços cheios de cor e matiz procuram encontrar o agitado e quente ardor do corpo. Por dentro e por fora a alma e o seu fervor são projetados em amplos movimentos de traçado. A duração do momento está evocado, o passado está presente e o futuro antecipado.


Pelas superfícies dos corpos nus encostam-se pequenos traços que se fazem mancha e os iluminam de cor. Cada um é um mimo e uma estrofe de ode oferecida ao feminino. Através desses traços tateamos com os olhos as formas e passeamos em espírito por entre elas. Esta aproximação, esta espécie de chamamento a si, é o que mais singelamente distingue estes trabalhos de Beatriz Manteigas.


Na cinzenta imaterialidade do nada e do fundo sobrevive a colorida espiritualidade do corpo e do nu.

 

Lisboa, 3 de Novembro de 2015
Artur Ramos

 

 

convite BM 500

 clique na imagem para visualizar convite

 

 


 Beatriz Manteigas, Lisboa, 1990. Licenciada em Pintura e Mestre em Anatomia Artística pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa, complementou os seus estudos com períodos nas Faculdades de Belas Artes do Porto, Politécnica de Valência (Espanha) e Academia de Belas Artes de S. Petersburgo (Rússia).Trabalha também como ilustradora tendo algumas obras publicadas.
EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS: Amigos (Espaço Cultural AXA, Lisboa, 2013); Madonas, friends and other Works (Livraria Almedina, Lisboa, 2013). COLECTIVAS: É Preciso fazer um Desenho? (Setúbal – capital da ilustração, 2015); Anatomia Artística: Arte e Ciência, Abordagens e Experiências (com o escultor Frederico Elias, Galeria da FBAUL, 2014); ROTH (Londres, 2014); ARTE 50 (Lisboa, 2014); Vive-Arte 2014 (Extremadura, Espanha, 2014); Aveiro Jovem Criador'13 (onde recebeu uma menção honrosa, 2013); Finalistas de Pintura FBAUL 2011/2012 (SNBA, Lisboa, 2013); XVIII Salão de Primavera (Casino Estoril, 2012).